Tratamentos

O Que É Infarto?


Por Dr. Roberto Yano
10 de julho de 2020

As doenças cardiovasculares são tidas como algumas das mais preocupantes entre os médicos. É importante saber o que é infarto, um dos quadros mais comuns a acometer o coração e entender quais são seus sintomas e principais causas.

Estima-se que cerca de 100 mil brasileiros morram em decorrência desse quadro todos os anos. Isso nos dá uma dimensão mínima do quanto é importante entender e evitar o infarto.

Também é fundamental compreender que nem sempre o problema leva o paciente a óbito. Existem inúmeras situações em que o paciente se recupera, embora tenha que mudar radicalmente seus hábitos e modos de vida.

Diferentemente do que se pensa, o infarto não é uma doença silenciosa. Muitas vezes existem indícios de que algo errado está ocorrendo. É preciso conhecer e entender o que é infarto para, assim, buscar ajuda médica, o quanto antes, para evitar desfechos trágicos.

O Que É Infarto, Causas E Sintomas

O infarto é uma doença que ataca o coração. Muitas vezes é citado como “ataque do coração”. Ocorre quando há uma obstrução de uma das artérias do coração. Quando há essa obstrução, as células da musculatura cardíaca que eram alimentadas por esse vaso morrem, e consequentemente, uma parte do músculo cardíaco também morre.

Fatores De Risco – Quais São As Principais Causas Desse Problema?

Tão importante quanto entender o que é infarto é saber exatamente o que pode desencadear esse quadro. Existem alguns fatores de risco que tornam uma pessoa mais propensa a desenvolver a doença.

  • Idade: Homens acima de 45 e mulheres acima de 55 anos têm mais riscos de sofrer um infarto;
  • Diabetes: Pessoas com diabetes também são parte do grupo de risco para desenvolvimento do quadro;
  • Tabagismo: Fumantes têm maiores chances de sofrer um infarto em qualquer idade; 25% dos infartos são decorrentes do tabagismo;
  • Hipertensão arterial: Pressão alta também é um fator de risco;
  • Histórico familiar: Pessoas com familiares que sofreram doenças do coração têm mais chances de infartar;
  • Dislipidemia: O LDL-colesterol elevado e/ou HDL-colesterol baixo e/ou Triglicérides elevados são fatores de risco para o infarto.
  • Sedentarismo: Levar uma vida sedentária aumenta potencialmente os riscos cardíacos; mais de 50% dos infartos poderiam ser evitados através da prática de exercícios físicos.
  • Obesidade: A obesidade é um dos fatores que tem relação com ataques cardíacos;
  • Ansiedade e estresse: ansiedade e estresse também podem levar a uma situação de infarto;

Esses são os principais fatores de riscos para o infarto agudo do miocárdio. Por isso é de extrema importância manter uma vida equilibrada, ativa e saudável. É importante realizar um check-up com o cardiologista pois muito fatores de risco não causam sintomas, como é o caso da dislipidemia.

Sintomas Que Devem Servir De Alerta Para O Infarto

Agora você já sabe o que é infarto e conhece alguns fatores para essa doença tão temida, vamos falar sobre os principais sintomas.

Os sinais e sintomas mais comuns são:

  • Dor no peito que irradia para pescoço, mandíbula ou braço esquerdo;
  • Sudorese e/ou suor frio;
  • Náuseas e/ou vômito;
  • Falta de ar;
  • Tontura;
  • Desmaio;
  • Dormência no braço, entre outros.

A informação pode não ser uma garantia contra problemas cardíacos, mas, com certeza, é uma das coisas essenciais para que você leve uma vida mais saudável. Saber o que é infarto é essencial.

Caso você tenha algum dos sinais e sintomas acima, não espere em casa. Procure imediatamente o pronto-atendimento. Ao ocorrer o diagnóstico de infarto, o tratamento deve ser instituído o mais rápido possível para que menos músculo cardíaco seja perdido e para que o seu coração tenha mais chances de se recuperar completamente.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *