Doenças Cardíacas

Tabagismo E Saúde Do Coração 


Por Dr. Roberto Yano
28 de setembro de 2020

Segundo a OMS, apenas no Brasil, existem cerca de 22 milhões de fumantes, que consomem derivados do tabaco todos os dias. Essa é uma das maiores taxas do mundo, e com ela, vem as consequências, colocando o Brasil também na lista dos países com um dos maiores índices de mortalidade por infarto. Por isso, hoje vamos falar sobre a relação entre tabagismo e saúde do coração.

Com uma taxa tão alta de fumantes, é inevitável que você não conheça, nos dias de hoje, várias pessoas que fumam. Há muito fumantes que relatam não ter sintomas nenhum coração ou que estão com sua saúde em dia. Mas será? 

Será que o tabagismo é mesmo um fator de risco para as doenças cardiovasculares, ou isso é apenas um mito? É o que você vai descobrir enquanto debatemos sobre tabagismo e saúde do coração.

Tabagismo E Saúde Do Coração 

Tabagismo e saúde do coração: Os números não mentem.  

Como bem sabemos, alguns fumantes não admitem os riscos que correm diariamente por terem este terrível hábito. Mas será que todos os fumantes conhecem a relação entre Tabagismo e saúde do coração. 

Segundo levantamentos da OMS, mais de 400 mortes por dia no Brasil são relacionadas ao Tabaco, e uma grande porcentagem delas têmrelação direta com doenças cardiovasculares, como Infarto e AVC. 

Como o Tabaco interfere na saúde do coração?   

Você já pôde constatar, segundo números oficiais, de que o tabaco é nocivo à saúde do coração. Porém, ainda nos resta entender como esse processo ocorre. 

Quando falamos em Tabagismo e saúde do coração, muitas pessoas não entendem qual a relação entre eles e qual o real impacto do tabaco na fisiologia de quem o consome. Pensando nisso, decidi esclarecer para que você entenda, de forma simples e didática. 

As substâncias do  cigarro agridem o endotélio (camada interna dos vasos) e interferem na produção de uma substância protetora chamadade óxido nítrico. Assim as artérias se tornam mais suscetíveis ao acúmulo de gordura e entram em vasoconstricção, diminuindo seu calibre.

Além disso, a Nicotina, presente nos cigarros, pode influenciar na redução de oxigênio circulante, afetando todos os órgãos, principalmente o coração.

O tabaco pode acelerar também a oxidação de colesterol facilitando a formação da aterosclerose. Lembrando que o principal tipo de infarto

é aquele onde ocorre instabilidade da placa de aterosclerose nas coronárias. 

O que faço para parar de fumar?  

Infelizmente, uma grande porcentagem dos fumantes tem total consciência dos riscos que esse vício traz para a saúde, porém, como todo o vício, é preciso muita disciplina e força de vontade para interrompê-lo. 

Não seria justo trazer todas essas informações assustadoras sobre Tabagismo e saúde do coração e não apresentar uma solução para quem quer realmente parar de fumar. 

  • Marque uma data  

Escolha no calendário a data que você vai parar de fumar de uma vez por todas.

  • Conte aos seus amigos e familiares  

Parar de fumar só depende de você. Porém, assim que decidir parar, conte o fato para todas as pessoas mais próximas a você. Isso fará com que a sua força de vontade aumente ainda mais e você terá ajuda das pessoas que te querem bem.  

  • Exercite-se  

Durante as crises de abstinência, se exercite! Além de se distrair, você também aumentará sua qualidade respiratória, que foi tão afetada

pelo tabaco.  

  • Marque uma consulta com o médico 

Caso você não consiga parar de fumar dessa maneira, saiba que existem medicamentos que pode ajudar você a parar com esse vício terrível.

Um cardiologista, por exemplo, é capaz de te ajudar. Não deixe de buscar ajuda.  

Parar de fumar é essencial para manter a saúde do coração em dia.

Espero que você tenha gostado desse conteúdo exclusivo sobre Tabagismo e saúde do coração! 

Um grande abraço!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *